E dentro do quarto
Permaneci estática atenta apenas ao desenrolar da memória.
Não era difícil vê-lo ali, e ouvir seus passos vindo abrir a porta e ficar me olhando sem dizer nada, até que nos abraçássemos, como antigamente.

Movimento
meu corpo parado no meio do quarto para a cama, mergulhei minha cabeça nos lençóis desarrumados procurando uma espécie de calor.
Mas não choro
mesmo que de repente perceba um fio de cabelo (os cabelos dele caíam sempre).
Acreditávamos que um dia seriamos grande, embora aos poucos fossem nos bastando miúdas alegrias.
Era duro fingir
que éramos pessoas como as outras, mas nos cantos daquele quarto tínhamos sangue esperma, talvez febre.
Tudo passou
e é inútil continuar aqui, procurando o que não vou achar.Não me atrevo a mexer em coisas que eu possa encontrar seu nome, o nome que teve.
Então certifico-me de que
a vida é exatamente esta, a minha, e que não a troquei por nenhuma outra, de sonho.
Apenas fizemos parte
de um sonho sonhado por qualquer outra pessoa que não você, que não eu.
Do sonho.


ATENÇÃO:


Atualizei todos os visitantes do blog, caso o seu não esteja nos " Blogues Inteligentes", por favor me avise para poder linkar.

( Raríssimos, o blog BIANCA FEIJÓ está concorrendo no Top Blog, e gostaria de pedir seu voto. É só clicar na imagem ( selo ) ao lado do texto, votar e pronto.
Desde já, Obrigadíssima! )


________________________________________-_____E se eu morrer de amor, quem ________________________________pagará o enterro e as flores?
__________________________________________________________________________Vinícius de Moraes

18 Comente Aqui:

Doi! mas e dai?
Doer faz parte...
Será?
beijo

Denise

belo!

ciao Bianca!
todo bien?
abraccio
CHE

B.I.A.N.C.A.

Belo texto.

A saudade, é a maior prova de que o passado valeu a pena.

Parabéns.

Bijo

ola!! Passei para desejar um ótimo fim de semana e feliz dia das mães.

Belo texto, vou votar agora.

BJS

Do quarto
Um parto
De cada parte
Antes arte
Agora farto
Fato
Tão abstrato
Só soube o tato
Que não coube
Em tudo que houve...

Belíssimo texto, Bianca.
Meus cabelos também foram caindo... caindo... me abandonaram ... e sequer sei se alguém sente saudade de mim. Envelhecer com essa dúvida é cruel.
Um beijo,
Chico (agora vou votar)

Belissimo texto.
voce escreve com o coração
por isso tudo que voce escreve fica
m.a.r.a.v.i.l.h.o.s.o!!!

Bianca, querida.

O que são os nossos instantes todos,
senão o nascimento das lembranças.

E se tudo for sonho,
que mais fazer senão rir dos sonhos.

Beijo da mais intensa Paz, em ti.

(Há algo de novo em "Singularidades"

bianca:
obrigado pelo texto e pela gentileza
do link.
romério

Tiago Feijó disse... 11 de maio de 2009 12:23  

Entre o mundo intelectual e o plano físico existe uma ferramenta chamada palavra. A configuração de um bom texto permite ao leitor a possibilidade de se projetar no plano dos sentimentos. Parabens pelos seus textos!

Todos os sonhos acabam ao acordar...

Puxa...que prazer em conhecer tuas palavras (e, em consequência, você...rsrsrs)...

Cheguei aqui pelos atalhos da rede, esta bendita rede que nos permite achar gente tão talentosa...

Vou ler com calma, saborear, certamente votar...hehe...

Por hora...parabéns!!!

Beijabraços!!

Voltei, e li.
Gosto das tuas intensidades.

Beijó.

Ah, Bianca... as emoções que transmitem nunca vem sozinhas e dessa vez, ou melhor, mais uma vez me roubou sorrisos com esse poema em dose dupla...
Te beijo

Bonito!

Bjnhs

ZezinhoMota

Bianca, que lindo.
Adorei a forma como foi construído o texto!
É possível enxergar as cenas e o coração...Parabéns!

That's actually really cool!AV,無碼,a片免費看,自拍貼圖,伊莉,微風論壇,成人聊天室,成人電影,成人文學,成人貼圖區,成人網站,一葉情貼圖片區,色情漫畫,言情小說,情色論壇,臺灣情色網,色情影片,色情,成人影城,080視訊聊天室,a片,A漫,h漫,麗的色遊戲,同志色教館,AV女優,SEX,咆哮小老鼠,85cc免費影片,正妹牆,ut聊天室,豆豆聊天室,聊天室,情色小說,aio,成人,微風成人,做愛,成人貼圖,18成人,嘟嘟成人網,aio交友愛情館,情色文學,色情小說,色情網站,情色,A片下載,嘟嘟情人色網,成人影片,成人圖片,成人文章,成人小說,成人漫畫,視訊聊天室,性愛,a片,AV女優,聊天室,情色

euescrevo
livros
::Textos meus inéditos ::
noorkut
linkssobre
enciclopédia
videosinteressantes
sitesculturais
outrostextos
sertaoveredas
"O senhor... Mire e veja: o mais importante e bonito, do mundo, é isto: que as pessoas não estão sempre iguais, ainda não foram terminadas - mas que elas vão sempre mudando. Afinam ou desafinam. Verdade maior. É o que a vida me ensinou. Isso que me alegra, montão".
(Guimarães Rosa)
caio-fernando-abreu
"Dentro de mim guardo sempre teu rosto e sei que por escolha ou fatalidade, não importa, estamos tão enredados que seria impossível recuar para não ir até o fim e o fundo disso que nunca vivi antes."
Clarice-Lispector
"Quero morrer com vida. Juro que só morrerei lucrando o último instante. Ah... como quero morrer... mas nunca morrer antes de realmente morrer."
Nietzsche
"Há sempre alguma loucura no amor. Mas há sempre um pouco de razão na loucura."
Paulo-Leminski
Que tudo se foda, disse ela. E se fodeu toda.
Mario-Quintana
"As reticências são os três primeiros passos do pensamento que continua por conta própria o seu caminho".
Mario-Quintana
"Os males do mundo toda a gente sabe! Os meus... ninguém... A minha dor não cabe, nem nos cem milhões de versos que eu fizera..."
nelson-rodrigues
"Se cada um soubesse da intimidade sexual dos outros, ninguém cumprimentaria ninguém.
Bianca Feijó em seu site







Blog Bianca Feijó